Noronha celebra 518 anos com corte de bolo na Praça São Miguel

O primeiro encontro que dará o pontapé inicial para a construção do plano acontece nesta quarta-feira (25), às 18h, na Erem Arquipélago de Fernando de Noronha e contará com a presença da secretária estadual de Meio Ambiente, Inamara Mélo, e do diretor-presidente da CPRH, Djalma Paes

A Unidade de Conservação Área de Proteção Ambiental Estadual Arquipélago de Fernando de Noronha é um patrimônio importante de Pernambuco, um paraíso rico em biodiversidade e em belezas naturais que precisa ser cuidado e conservado. O Governo de Pernambuco, por meio da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), criará, de forma colaborativa e com a participação dos moradores, entidades e organizações de Fernando de Noronha, um Plano de Gestão Sustentável Integrada (PGSI), que envolverá estudo sobre capacidade de suporte, ordenamento urbano e elaboração de um plano de manejo.  O objetivo é conservar a biodiversidade local e melhorar a qualidade de vida da população que reside na unidade. Nesta quarta-feira (25/05), às 18h, no auditório da Escola de Referência em Ensino Médio (Erem) Arquipélago de Fernando de Noronha, será realizado o primeiro encontro que dará o pontapé inicial na construção do Plano.  

Na ocasião, o Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP/OS), responsável pela elaboração do documento, apresentará o plano de trabalho com a abordagem metodológica e o cronograma de atividades que nortearão a elaboração do PGSI, convidando a comunidade local para participar desse processo construtivo.  A metodologia que será utilizada na elaboração do PGSI está dividida em quatro etapas: elaboração de Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental; elaboração de um Estudo de Capacidade de Suporte e de seus Indicadores de Sustentabilidade; elaboração do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental Estadual Arquipélago Fernando de Noronha e a criação do seu Conselho Gestor, além da elaboração do Plano de Ordenamento Urbanístico da APA.

A secretária estadual de Meio Ambiente Inamara Mélo também participará do encontro. “Essa é uma importante entrega da gestão do governador Paulo Câmara. Esse Plano tem o desafio central de consolidar instrumentos que viabilizem de forma eficiente a gestão ambiental e de controle urbanístico da Unidade de Conservação APA Estadual Arquipélago de Fernando de Noronha, garantindo o diálogo entre os diversos atores envolvidos na dinâmica da ilha e o equilíbrio entre a sustentabilidade e a qualidade de vida de moradores e turistas”, ressalta Inamara.