Foram plantadas 300 mudas nativas, doadas pela Compesa em parceria com a Semas, e discutida propostas de unidades de conservação no município.

O secretário estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, e o diretor-presidente da agência de meio ambiente do estado CPRH, Djalma Paes, estiveram reunidos com o vice-prefeito de Passira, Ernande Filho, no agreste setentrional, e demais representante da gestão municipal, na manhã desta quarta-feira (06). Na ocasião, foi realizado o plantio de espécies nativas no distrito de Poço do Pau, no âmbito do programa reflorestar Pernambuco. As 300 mudas foram doadas pela Compesa em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente de Pernambuco (Semas). Na pauta do encontro também esteve a proposta da gestão municipal de tornar a Serra das Bengalas, importante área florestal do município, uma unidade de conservação.

“A gente considera que Passira dá mais um passo importante nesse processo de cuidado com o meio ambiente. Além do plantio de mudas no âmbito do programa Reflorestar Pernambuco, em breve a cidade deve ganhar uma unidade de conservação ambiental por meio de um decreto municipal que devem elaborar a partir dos estudos realizados pela CPRH. Além de Serras das Bengalas, que faz parte de nascentes que compõem o Capibaribe, solicitaram nosso apoio para a criação de uma outra unidade de conservação, a Serra de Passira”, afirmou o secretário da Semas.

José Bertotti destacou ainda outro passo importante para a cidade: a construção do aterro sanitário para a região. De acordo com o gestor estadual, foi dada a licenças prévia ao município, após audiência pública, para o início da construção do aterro municipal. Conforme Bertotti, o foco do trabalho agora é na coleta seletiva, com a separação dos materiais, juntamente com organização de catadores que já vêm sendo apoiados pela prefeitura.

Participaram das atividades, além dos representantes da Semas, da CPRH e vice-prefeito do município Ernane Filho, o gestor da secretaria municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural Sustentável, Luís Henrique de Albuquerque o representante da diretoria de Meio Ambiente Ricardo Sérgio.

Reflorestar Pernambuco – o programa visa orientar as ações públicas voltadas para o plantio florestal com a finalidade de manter e recuperar os ecossistemas em geral, que garantam a provisão de serviços ecossistêmicos e ambientais importantes para as populações e para as atividades econômicas em âmbito regional.

Foto: Pedro Caldas