Proposta entregue pelo ambientalista Araripe Serpa visa a implementação de estrutura de pesquisa na Estação Ecológica de Caetés

Um projeto para a construção de um observatório de pássaros na Estação Ecológica – Esec de Caetés, uma das Unidades de Conservação Estaduais, foi entregue na última terça-feira, 31, em reunião, ao gestor da secretaria estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, e ao diretor-presidente da CPRH, Djalma Paes, pelo ambientalista e empresário, Araripe Serpa, ex-parlamentar paulista, radicado em Pernambuco.

No encontro com o ambientalista, juntamente com a gestora da Esec Caetés, Sandra Cavalcanti, realizado em um café no Recife, os gestores se comprometeram em buscar a viabilização do projeto de ornitologia. “São raros esses equipamentos no Brasil; uma estrutura assim vem a qualificar nossas Unidades de Conservação. Assumimos o compromisso de analisar a proposta do observatório de pássaros, para que a gente faça o projeto executivo e possa inseri-lo na pauta dos recursos relativos à compensação ambiental de 2022, para sua implementação”, afirmou Bertotti.

A elaboração do projeto contou com a parceria da arquiteta Bete Castro. De acordo com o Sr. Araripe Serpa, que esteve entre os homenageados da 30ª edição do Prêmio Vasconcelos Sobrinho de boas práticas ambientais, a estrutura de observação das aves poderá ser de grande ajuda aos pesquisadores da Estação Ecológica de Caetés, facilitando também o acompanhamento de outros animais em seu meio natural.

Estação Ecológica de Caetés – Unidade de Conservação mais antiga de Pernambuco, a Esec Caetés protege uma área remanescente da Mata Atlântica na zona rural de Paulista, fazendo fronteira com os municípios de Abreu e Lima e Recife. Abriga aulas de educação ambiental e as riquezas da fauna e da flora são tema de pesquisas científicas.

Foto: Pedro Caldas