Os gestores discutiram o ordenamento das atividades econômicas e o estímulo ao turismo sustentável

O secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (Semas/PE), José Bertotti, e o diretor-presidente da Agência CPRH, Djalma Paes, se reuniram, nesta terça-feira (23), com a prefeita de Sirinhaém, Camila Machado. No encontro, foi abordada a implementação, em parceria com o município, da compensação ambiental de empreendimentos econômicos na Área de Proteção Ambiental – APA de Guadalupe.

Além disso, foi ressaltada a importância de novos empreendimentos no setor turístico que possuam estratégias sustentáveis, com foco na preservação do meio ambiente. Também foi debatida a ação conjunta entre os órgãos estaduais e a Prefeitura de Sirinhaém, sobre a implementação do Zoneamento Ambiental e Territorial das Atividades Náuticas (Zatan) do litoral sul. A iniciativa tem base na extensão do estudo de capacidade de carga para todo o estuário do Rio Formoso, e que também visa envolver as praias de Sirinhaém e a Ilha de Santo Aleixo.

ZATAN

O Zoneamento Ambiental e Territorial das Atividades Náuticas (Zatan) prevê o ordenamento do uso de ambientes costeiro e marinho na área do estuário do Rio Formoso, no litoral sul de Pernambuco, que abrange trechos dos municípios de Sirinhaém, Tamandaré e Rio Formoso.

O Zatan estabelece um trabalho de ordenamento das atividades náuticas e socioeconômicas (pesca, turismo, etc), além dos usos dos ambientes naturais nessa região. O objetivo é criar condições para a promoção do desenvolvimento econômico, fortalecendo o turismo sustentável e a conservação da biodiversidade.

O estudo, aprovado em agosto de 2020 pelo Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema), contou com apoio do projeto Terramar e de atores locais, tendo ampla participação da sociedade civil, iniciativa privada e poderes públicos.

Foto: Pedro Caldas/Semas PE