Na sequência às assinaturas, o Secretário de Meio Ambiente, José Bertotti, plantou mudas de árvores nativas, como ação compensatória pela emissão de carbono durante a I Conferência Internacional de Resíduos Sólidos

A Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (Semas-PE) lançou na manhã desta sexta-feira (1º de abril), no Parque Dois Irmãos, importantes iniciativas de reflorestamento de áreas degradadas em propriedades rurais e recuperação de nascentes, aliadas a ações de educação ambiental e ao desenvolvimento de atividades produtivas que possibilitem alternativas de geração de renda ao produtor rural de forma sustentável no valor total de R$11.700,000,00 (onze milhões e setecentos mil reais). O secretário José Bertotti assinou os convênios do Edital 03, que possui um recorte de gênero, e conta com recursos do Fundo Estadual de Meio Ambiente (FEMA), que irá financiar projetos de estruturação e  fortalecimento da rede de mulheres produtoras, coletoras e guardiãs de sementes nos Biomas Caatinga e Mata Atlântica de Pernambuco.

Luciana Santos e José Bertotti com Fabiana Francelino, da Cáritas Diocesana de Pesqueira

Na ocasião também foram assinados convênios do Edital 04 com recursos também do FEMA, de apoio à implantação de viveiros florestais, no âmbito do Programa Refloresta Pernambuco, contemplando os municípios de São José do Egito; Glória do Goitá; Carnaíba e Dormentes.

José Bertotti no PEDI para lançar edital e assinar convênios com entidades e municípios

“Todos estes convênios e termos de fomento que assinamos hoje com os municípios e com as entidades parceiras, como a Caritas e a Casa da Mulher do Nordeste, vai garantir a recuperação de áreas degradadas e das nossas nascentes, garantindo maior cobertura florestal e mais água para a população e para a nossa produção, demonstrando o compromisso do governo Paulo Camara e Luciana Santos com a agenda ambiental para o enfrentamento ao aquecimento global. É um conjunto de ações importantes que implantamos ao longo dos últimos anos, em busca da neutralidade da emissão de gases de efeito estufa. Estamos também dando passos firmes e concretos em busca do desenvolvimento sustentável. Ao assinarmos estes termo de fomento, com foco específico na valorização do trabalho das mulheres, estamos fortalecendo no estado organizações de mulheres coletoras e guardiãs de sementes, que são ligadas aos povos tradicionais, como os indígenas e quilombolas e este edital (o 04) tem esse recorte de gênero importante. Peças-chaves na preservação do meio ambiente e do fortalecimento do sistema de produção sustentável. Pernambuco, por meio destas ações, se firma como exemplo para o governo federal que nada fez até agora na questão ambiental, pelo contrário, anuncia que vai descarbonizar a economia, mas anuncia uma usina de carvão, entre outras coisas na contramão da economia sustentável. Mas Pernambuco deixa sua marca e dá a sua contribuição para o desenvolvimento sustentável”, concluiu Bertotti.

Luciana Santos elogia desempenho da Semas na política ambiental de Pernambuco

A vice-governadora Luciana Santos, presente ao evento, depois de enumerar diversas ações implementadas pelo governo do estado em prol da Agenda 2030, destacou a qualidade e a excelência das políticas públicas do governo na área ambiental, executadas pela Semas, sob o comando do secretário Bertotti. “Nosso governo vem crescendo e investindo na qualidade e no compromisso de todos. Mas Bertotti onde chega, coloca todo seu compromisso e se aprofundou no conhecimento e dedicação a serviço de um entendimento mais profundo da política ambiental. Bertotti é assim, onde chega, ‘bota pra quebrar de com força’, reunindo ainda os parceiros das gestões municipais e das organizações sociais pra fazer bem feito, mesmo em meio a este momento histórico de pressão política que estamos passando nos dias de hoje. Por tudo isso, meus parabéns ao trabalho desenvolvido por vocês. Pernambuco tem tratado as questões ambientais como prioridade, prova disso é estas questões estarem no orçamento, é uma demonstração cabal da vontade política e da importância estratégica destas questões ambientais”, avaliou Luciana. 

Luciana Santos e José Bertotti com Adriana Paes, prefeita de Glória do Goitá

Na sequência, um ato simbólico de reparação pela emissão de carbono durante a I conferência Internacional de Resíduos Sólidos: foram plantadas mudas de árvores na área do Parque Dois Irmãos, ao lado de onde aconteceram as assinaturas dos Termos de Fomentos e dos convênios dos Editais FEMA 03 e 04.  A compensação da emissão de gases poluentes total foi calculada em 52 mudas de árvores nativas, que serão plantadas dentro da mata de Dois Irmãos.

Texto: Dulce Melo/Semas – PE
Fotos: Pedro Caldas/Semas-PE