O secretário Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, recebeu, na última terça-feira (15), o professor da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE Luiz Gondim e Edílson Silva, na sede da pasta, localizada na Jaqueira. No encontro, os pesquisadores apresentaram uma proposta de uso de biogás gerado a partir da palma. A medida seria uma alternativa para a geração de energia nos módulos de agrobiodiversidade implementados pela Semas na região do semiárido, colaborando na criação de soluções sustentáveis.

O biogás é fruto do processo de decomposição de matéria orgânica utilizada para a produção de energia, também conhecida como biomassa. No caso da palma forrageira, o processo utilizado para extração se dá através da ação de micro-organismos, em um ambiente com baixa presença de oxigênio: dentro de um biodigestor. Além disso, trata-se de uma fonte energética renovável.