Quatro nascentes do Rio Capibaribe  em processo de degradação ambiental serão reflorestadas através da implantação de 4 Sistemas Agroflorestais e de 3 Sistemas Reuso de Águas Cinzas

O Projeto “Águas da Serra: Agroflorestas na recuperação de nascentes do Rio Capibaribe, a ser desenvolvido no município de Jataúba, no Semiárido Pernambucano, é mais uma das iniciativas contempladas com o aporte de R$ 299.872,62 pelo Edital 1, do Fundo Estadual de Meio Ambiente – FEMA, lançado em março deste ano. O secretário estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, esteve na manhã desta segunda-feira, 13, no município de Jataúba, para assinatura do convênio com  a organização não-governamental Centro Sabiá, proponente do projeto que tem por  objetivo promover a restauração florestal de quatro nascentes do Rio Capibaribe situadas no bioma da Caatinga, em Jataúba, através da implantação de Sistemas Agroflorestais (SAFs).

A iniciativa deve beneficiar 12 famílias agricultoras, 4 Jovens Guardiões e 30 estudantes do Ensino Fundamental. Todos serão capacitadas e sensibilizadas para a proteção das Áreas de Proteção Permanente (APPs), através de ações de formação ambiental e assessoria técnica contínua.

Quatro nascentes do Rio Capibaribe  em processo de degradação ambiental serão reflorestadas através da implantação de 4 Sistemas Agroflorestais e de 3 Sistemas Reuso de Águas Cinzas. Além de promover a restauração florestal  nascentes  na região, por meio da implantação de Sistemas Agroflorestais (SAFs), o trabalho visa o desenvolvimento de ações comunitárias de educação ambiental.

Ao final do evento Bertotti pontuou a importância desta iniciativa. “Essa iniciativa de firmar este convênio, fortalece o programa de  Reflorestamento  de Pernambuco que utiliza o replantio de arvores nativas da região como uma resolução no combate aos efeitos das mudanças climáticas e recuperação das nascentes degradadas ”, pontuou.

Além do coordenador do Centro Sabiá, Alexandre Pires, participaram da assinatura do convênio, o presidente da Associação dos Pequenos Agropecuaristas do Sítio Sobrado e Adjacência (Apassa), Raimundo Bertini e o presidente da Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Jataúba, Fernando Santiago.

Foto: Lu Rocha