O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, mobilizou as secretarias do governo para realizar visitas técnicas aos municípios afetados pelas fortes chuvas, intensificadas pelo fenômeno Ondas de Leste, que atingiram o estado nos últimos dias. O objetivo é identificar as ocorrências quanto aos danos humanos, materiais, ambientais, além de prejuízos econômicos e sociais. Desta forma, nesta quinta-feira (02/06), a secretária de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, Inamara Mélo, junto com a equipe da CPRH, foi aos municípios de Rio Formoso e São José da Coroa Grande se reunir com as prefeituras locais e realizar vistorias técnicas nas áreas atingidas.

“Para elaborar um relatório mais apurado da situação em cada localidade, a equipe da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e da CPRH ouviu dos prefeitos qual é a situação dos municípios com esse espírito de colaboração e integração, diante da necessidade de agir de forma conjunta para rapidamente superar as dificuldades decorrentes das chuvas”, explicou Inamara.

O primeiro município a ser visitado foi São José da Coroa Grande, que decretou estado de emergência em função dos riscos de inundação diante das cheias do Rio Una. De acordo com o prefeito Jaziel Lages e o secretário de Meio Ambiente e coordenador da Defesa Civil, Ivan Aguiar, não houve pessoas desabrigadas na cidade, porém foi verificada a necessidade de intensificar as ações preventivas. A Semas aproveitou a oportunidade para disponibilizar mil mudas para ações de plantio no município.

Em seguida, a comissão se dirigiu para o município de Rio Formoso, onde foi recebida pela prefeita Isabel Hacker e pela coordenadora da Defesa Civil, Ana Holanda.  Na visita, foram identificadas dificuldades relativas ao transbordamento do Rio Sirinhaém, que deixou alguns distritos da zona rural com problemas de acesso. Também não há famílias desabrigadas, porém, nestas áreas as pessoas ficaram ilhadas.  

O resultado detalhado dessas visitas será apresentado nesta sexta-feira (03/06) ao gabinete do Governo de Pernambuco para a composição do mapeamento estadual e da lista de providências emergenciais a serem tomadas. Outras secretarias do Governo do Estado também estão em campo percorrendo os demais municípios afetados.

Fotos: Lu Rocha/ Semas PE