Mais de 2 mil mudas plantadas nos municípios de Paudalho e Carpina

A atividade, que integra o programa de Reflorestamento Pernambuco, é fruto de uma parceria entre a Semas e as prefeituras dos dois municípios

Os municípios de Paudalho e Carpina ganharam, nesta segunda-feira (05), um reforço importante na restauração de suas áreas verdes. Mais de 2.000 mudas de árvores nativas foram plantadas em espaços públicos da região, fruto de uma ação parceira entre a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas/PE) e as prefeituras dos dois municípios da Mata Norte do Estado, por meio do programa de Reflorestamento de Pernambuco. Estudantes, gestores públicos e representantes da sociedade civil participaram das atividades.

Em Paudalho, a Vila Santa Mônica “Pedra do Urubu”, primeiro bairro planejado do município, mudou de cara com o plantio de 1.500 árvores. Foram mudas de Ipês Rosa e Roxo, Azeitona, Jenipapo, Saboeiro, Visgueiro, Craibeira e de outras espécies que deram novos ares à localidade. Pelas mãos de estudantes, moradores e gestores públicos, foi sendo formada uma extensa faixa verde no bairro com a colocação delicada de cada planta na terra. O ato contou com a presença do secretário Estadual de Meio Ambiente, José Bertotti, do prefeito do município, Marcello Gouveia, e dos secretários municipais de Educação, Obras e Turismo.

Segundo Bertotti, a Semas está estreitando relações com os municípios e apoiando ações de reflorestamento, por meio da doação de mudas produzidas pelo governo para recuperar áreas degradadas. Nesta ação, os municípios foram beneficiados com mudas produzidas pela Compesa. “Estamos buscando, cada vez, fazer avançar o desenvolvimento sustentável no estado e o Programa de Reflorestamento é uma iniciativa fundamental nesse processo. Isso porque faz retornar os recursos da compensação ambiental pago por grandes empreendimentos para a restauração de ecossistemas, ampliando o sequestro de carbono, os recursos hídricos e a preservação da biodiversidade”, disse.

Já em Carpina, 600 árvores ganharam nova casa no Eco Parque Floresta Dos Leões, na localidade de Pindoba. As plantas fazem parte de uma leva de 3 mil unidades destinadas pelo programa estadual de reflorestamento à prefeitura na Semana de Meio Ambiente, comemorada em junho, e que agora soma 2 mil mudas plantadas. Com uma área de 67 hectare, o parque municipal foi criado para se tornar um centro experimental de pesquisas ambientais e florestais, desenvolvimento de atividades de Educação Ambiental, trilhas ecológicas, podendo ainda ser um local de matrizes para banco de sementes e produção de mudas de espécies nativas de Mata Atlântica.

Fotos: Pedro Caldas/ SemasPE