Técnica da CPRH realiza vistoria na praia, procurando vestígios de óleo

Nesta quarta-feira (31), as equipes que monitoram o aparecimento de vestígios de óleo em Pernambuco, estiveram mais uma vez vistoriando as faixas de areia dos municípios litorâneos. Nos últimos dois dias tem sido observado uma diminuição da quantidade de fragmentos nas praias. Hoje, apenas nos municípios de Olinda, Paulista, Goiana e Ipojuca foi registrada a presença desses fragmentos. E mesmo assim, em quantidade bem inferior aos últimos dias.
O trabalho de monitoramento das praias, realizado pela Semas-PE, CPRH, Ibama e Capitania dos Portos, com o apoio das prefeituras dos municípios litorâneos, seguirá ocorrendo nos próximos dias.

É importante esclarecer que não foi detectada nenhuma mancha de óleo no litoral pernambucano. E sim, vestígios de óleo, em pequenos fragmentos ou “bolotas”. Esse material já está em análise em dois laboratórios para que se identifique a sua origem.

Os órgãos ambientais esclarecem que não há qualquer restrição ao banho de mar em nossas praias. A orientação é para que, caso um banhista identifique um fragmento na água ou areia, que não toque no material e encaminhe a informação para o telefone da emergência ambiental da CPRH:  (81) 99488-4453.